PREVALÊNCIA DA SÍNDROME DE BURNOUT EM POLICIAIS DO GRUPO ESPECIALIZADO DE PATRULHAMENTO EM ÁREA DE RISCO (GEPAR)

Karina Pani Cunha

Resumo


Tem por objetivo analisar, via aplicação do Maslach Burnout Inventory-Human Services Survey (MBI-HSS) e questionários adaptados, a presença ou não da
Síndrome de Burnout no Grupo Especializado de Patrulhamento em Área de Risco (GEPAR) do 66º BPM em Betim/MG. Os dados foram cruzados e correlacionados às dimensões do trabalho, da organização e do indivíduo, considerados na literatura como fatores de risco para desenvolvimento/agravo da Síndrome.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Psψcologia: Saúde Mental & Segurança Pública

Envie seu artigo

Os autores podem submeter seus artigos através da seção de submissão da revista. 

Indexado por: