IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE REMUNERAÇÃO HOSPITALAR POR PACOTE NO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MILITARES DO ESTADO DE MINAS GERAIS

Autores

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo apresentar a experiência de uma autarquia quanto à implantação de pacotes como modelo de remuneração aos prestadores de serviço, subsidiando a tomada de decisão dos gestores em relação à sustentabilidade das contratações de serviços de saúde. A metodologia empregada no trabalho foi dividida em duas etapas. A primeira dedicou-se a uma revisão da literatura sobre modelos de remuneração em serviços de saúde; a segunda apresenta o modelo implementado no Instituto de Previdência dos Servidores Militares de Minas Gerais com análise de 12 procedimentos médico-hospitalares e suas perspectivas de economia financeira. Os resultados indicam que a adoção de pacotes gera redução de custos para a fonte pagadora dos serviços, porém é preciso haver um equilíbrio entre os critérios técnicos e financeiros na definição do valor do pacote.

Biografia do Autor

Naira Alicia Lacerda Flores, Polícia Militar de Minas Gerais Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutor em Geografia - Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas). Mestre em Administração pela Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais (2012), possui graduação em Ciências Militares pela Academia de Polícia Militar de Minas Gerais (2007) e graduação em Química pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009). Oficial da Polícia Militar de Minas Gerais. Tem experiência na área de Administração Pública, com ênfase em Segurança Pública, atuando principalmente nos seguintes temas: geoprocessamento, controle de distúrbios civis, planejamento de emprego operacional, gestão de operações policiais, policiamento de eventos, doutrina policial, gestão do conhecimento e educação profissional de segurança pública.

Antônio Hot Pereira de Faria

Possui graduação em Enfermagem pela Universidade Federal de Minas Gerais (2007) e Especialização em Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde pela Universidade de Brasília (2010). Atuou como enfermeira assistencial na Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação e como enfermeira da qualidade na Rede Mater Dei de Saúde. Atualmente é analista de gestão de seguridade social no Instituto de Previdência dos Servidores Militares de Minas Gerais, com foco em regulação e assessoria técnica em saúde.

Downloads

Publicado

2020-06-30